Home > Artigos > Puma, clássico brasileiro dos anos 70/80, está de volta!

Puma, clássico brasileiro dos anos 70/80, está de volta!

Com visual arrojado, possui motor 2.4 de 180cv preparado pela própria Puma e instalado na posição traseira-central na carroceria (de fibra de vidro e carbono). O chassi será tubular feito de aço, garantindo no geral uma boa redução de peso, totalizando 915g.

Transmissão de 6 marchas, freios a disco nas 4 rodas com pinças de 4 pistões cada e pneus Pirelli Trofeo 225/40 em rodas 17″ na frente e 244/45 na traseira.

Ainda não divulgaram imagens oficiais do carro, somente ilustrações do designer Du Oliveira. O modelo vai se chamar Puma GT Iluminari.

Nota-se a inspiração na versão clássica, mas com visual super atual e esportivo. Inicialmente serão apenas 10 unidades da entregues aos proprietários já neste final de ano de 2017, pela bagatela de R$ 150 mil reais cada.

Os sortudos ainda ganharão revisões sem custo na fábrica e outros “mimos” da Puma.

 

ESPECIFICAÇÕES

Carroceria reforçada em fibra de vidro com aplicações de fibra de

carbono.

. Motor flex 4 cilindros transversal traseiro com 180 hp com torque de 25 kgf

a 2.800 rpm.

. Suspensão tipo duplo A com amortecedores e molas a 52º.

. Cambio de seis velocidades à frente e uma a ré.

. Chassis tubular em aço carbono 40 x 40 x 2.5mm.

. Freios independentes a disco ventilados com pinças de alumínio de

4 pistões nas 4 rodas.

. Suspensão tipo duplo A com amortecedores e molas a 52º.

. Pneus pirelli p zero trofeo 225-40/17 e 255-45/17.

. Central multimídia completa com 5 configurações de motor.

. Peso total aproximado 915kg.

 

VENDAS

Serão fabricadas somente 10 veículos históricos com as especificações acima, com numeração de 0001 a 0010.

Acompanha o carro um certificado em aço inox e fibra de carbono homenageando o feliz proprietário. Este certificado torna o proprietário um Parceiro Puma ad eternum, lhe dando alguns benefícios como:

. Sempre será convidado vip em todos os eventos Puma;
. Terá sempre prioridade na aquisição de produtos Puma;
. Terá direito a preços diferenciados para os produtos Puma;
. No lançamento do novo modelo poderá trocar o seu veículo sem ônus;
. A revisão será feita na fábrica e sem custo;
. O contrato de compra será assinado no escritório da Lerosa Investimentos
e o comprador poderá, se assim desejar, ser assessorado financeiramente pela Lerosa Investimentos.

Será um carro exclusivo para cada comprador que poderão escolher
as cores internas e externas.

Valor: 15 parcelas de R$10.000,00

 

SOBRE A PUMA

Presente no imaginário de muitos apaixonados por carros, a Puma entrou para a história como a marca brasileira que produziu o maior número de automóveis esportivos. E hoje, cinquenta anos depois, o nome volta aos grids, mas em um circuito diferente.

A ideia surgiu em um Torneio de Regularidade realizado em março de 2012 e promovido pelo ex-mega piloto Jan Balder. Após cinco meses, em agosto do mesmo ano, Fernando Mesquita e Luiz Costa participaram de uma prova em homenagem a Milton Masteguim, um dos sócios originais da Sociedade de Automóveis Lumimari Ltda. — cujo nome era resultado da junção de Luiz Roberto Alves da Costa (Lu), Milton Mastegim (Mi), Mario César “Marinho” de Camargo Filho (Ma) e Rino Malzoni (Ri). Para esta prova, Mesquita e Costa contaram com o entusiasmo de um grande amigo, Carlos “Carlito” Eduardo Leonel, que lhes emprestou seu Puma GTS branco de 1978.

Após a prova, os entusiastas decidiram investir em um novo carro: um Puma tubarão de 1974 que pertencia ao restaurador Rui Antonio Carloviche (da Rui Restaurações) e que seria comprado pelo piloto Carlos Rodrigues que “mui” gentilmente lhes cedeu o privilégio.

O automóvel foi restaurado no começo de 2013 em parceria com a Oficina Nunes Off-Road, de Eder Tadeu Nunes, e a MS Preparações, de Paulo Sergio de Oliveira, ambos de Itatinga, no interior de São Paulo. No mesmo ano, a estreia do veículo se deu em um Torneio de Regularidade. Em uma das provas, entra em cena outro amigo; Reginaldo Galafazzi, um entusiasta da marca, e assim foi dada a largada para que Mesquita e Galafazzi abrissem a Sociedade de Automóveis Mesgaferre Ltda. — combinação de Mesquita (Mes), Galafazzi (Ga), Fernando (Fer) e Reginaldo (Re). Desta maneira, a empresa fez uma homenagem legítima à Sociedade deAutomóveis Lumimari Ltda., e agora se prepara para assumir a identidade de Puma Automóveis, exatamente meio século após a transformação da Lumimari em Puma Veículos e Motores Ltda.

PARTICIPE, COMENTE!

x

Veja Também

carro roubado

10 Carros Mais Roubados no Brasil

Esta lista dos 10 Carros Mais Roubados do Brasil baseia-se no IVR (Índice de Veículos ...