Home > Artigos > Estepe temporário pode ser vetado pelo Governo

Estepe temporário pode ser vetado pelo Governo

O projeto de lei do deputado Pompeo de Mattos (PMDB-RS), que estabelece que as montadoras devem instalar um estepe idêntico aos pneus dos modelos nacionais e importados comercializados no País, foi aprovado na Câmara dos Deputados pela Comissão de Defesa do Consumidor.

 

Isso significa que os estepes de uso temporário, que possui na maioria das vezes dimensões diferentes, não poderão ser mais usados nos carros caso o projeto vire lei. Caso as montadoras não se adequem pagarão 10% do valor do veículo ao proprietário, em tese.

As montadoras informam que não há riscos para a segurança se o motorista seguir algumas orientações, como não passar dos 80km/h, e trocá-los rapidamente. No entanto, no Brasil, não dá para garantir que haverá uma borracharia ou revenda de pneus nos quilômetros seguintes.

 

As montadoras alegam que os carros ficam mais leve e ganham mais espaço no porta-malas com estepes menores. Mas o que muda mesmo é o dinheiro investido. Um pneu 125/70, para aro de 15 polegadas, é encontrado em lojas do ramo por R$ 260. Uma unidade mais grossa (225/70) pode ser até R$ 200 mais caro. Parece pouco, mas multiplique isso por um modelo cuja produção anual supera 50 mil unidades, como o Toyota Corolla, e o lucro chega à casa de dezena de milhões de reais.

 

O Código Nacional de Trânsito (Contran) determina o estepe como item obrigatório, porém não cita o tamanho do equipamento. Já os especialistas em segurança veicular explicam que a largura pode ser menor, mas o perfil (altura) precisa ser igual ao dos originais para o carro não ficar descompensado.

 

Para o deputado, oferecer estepes diferentes dos pneus rodantes, além de suscitar dúvidas relativas à segurança do veículo, causará prejuízos ao consumidor que necessitar substituir uma roda ou pneu com defeito pelo estepe. No projeto, ele explica que “havendo avaria de uma roda ou de pneu que já está em uso, o que é bem frequente – a considerar o estado de conservação de nossas vias urbanas e estradas de rodagem –, é natural que o consumidor, em vez de adquirir um bem novo, prefira fazer a troca pela roda ou pneu sobressalente que já possui, sem custo adicional”.

O Reparador de Pneu Multilaser é um fluido de multifuncionalidades, elaborado com a mais alta tecnologia, capaz de reparar pequenos danos de até 5mm de diâmetro.

O Reparador de Pneu Multilaser é um fluido de multifuncionalidades, elaborado com a mais alta tecnologia, capaz de reparar pequenos danos de até 5mm de diâmetro. Clique e veja mais!

PARTICIPE, COMENTE!

x

Veja Também

Foto sorrindo na CNH? Pode Sim!

Você já viu algum documento em que, na foto, a pessoa esteja sorrindo? Pois é, ...